Apenas por pessoas de alma já formada

terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Felicidade indescritível

Nosso encontro não foi perfeito, porque deixou gostinho de quero muito mais e não houve oportunidade para matarmos toda essa vontade. Uma viagem atravessou nosso caminho. E eu pensava todas as noites, antes de dormir, em você. Na noite em que voltaria dessa incoveniente viagem e finalmente poderia terminar tudo que ficou em nossa mente inacabado. A distância era apenas um obstáculo. Eu jamais pensei que nos separaria. Pelo contrário, nos uniu ainda mais. E, um dia, eu voltei (finalmente). Início de manhã, final de madrugada. Você caminhou até mim. Lembro da sensação de te rever após tanto tempo: felicidade indescritível. Frio na barriga, sorriso no rosto. Eu também caminhei até você. Eu queria te encher de beijos, abraços e mimos ali mesmo. Abraçar forte (tão forte para nunca mais soltar). Mas, ao invés disso, eu apenas segurei sua mão. Nervosa. (Tão nervosa, meu Deus!) Minhas mãos involuntariamente tremiam. Será que você percebeu? Você parecia o mesmo (não mudou em nada?). Eu tentava ler em seus olhos um sinal qualquer de hesitação. Nada vi. Pelo contrário, você me olhava fascinado com alguma coisa em mim que nem eu mesma conseguia identificar. Você me disse, por fim, um "oi" rouco com o rosto inchado pelo sono, de certo, interrompido e eu quase desejei não ter te acordado só para me buscar. Como fui egoísta! "Te acordei muito cedo?", perguntei envergonhada. "Não, tarde até demais", ele me respondeu, dando-me um beijo imediato. Foi o melhor "seja bem-vinda de volta" que já recebi.

- Como eu senti falta do teu beijo! - eu lhe disse, sem fôlego, logo depois que ele me deu aquele beijo que sempre parou meu mundo. Já ele me disse:
- E eu senti falta de tudo em ti.

Ele não precisou dizer mais nada. Como eu demorei tempo demais para voltar! Era tudo o que eu precisava ouvir. Você nunca foi de falar muito, mas sempre soube as palavras certas a usar. Eu também senti falta de tudo em ti, meu amor.

Feliz Natal atrasado, gente, e um FELIZ ANO NOVO antecipado! Obrigada a todos os comentários e todo mundo que me acompanhou nesse ano de 2009. Que 2010 nos reserve grandes (e agradáveis, claro) surpresas! ADORO todos vocês!

:)

posted by mente inconstante at 11:57

5 Comments:

Lindo texto...
Eu quero ser recebida assim também!!! =]
Feliz Ano Novo pra você também minha Linda...
Que 2010 seja um grande ano para você!!!
Adoro você também!!! =D

Bjs

29 de dezembro de 2009 16:05  

Texto perfeito!quem não queria ser recebida assim quem ?
Um belo 2010 pra ti tbm e tenha muita paz e sucesso.
Te adoro
bjo

29 de dezembro de 2009 16:44  

Lindo texto!!!

Que em 2010 você continue com essa inspiração maravilhosa para escrever ses belos textos!

Tudo de bom!

Beijos

29 de dezembro de 2009 17:23  

que lindo o texto Vanessa! Como sempre, perfeitão véi ;D
Saudades de você!
Feliz 2010, que ano que vem seja ainda melhor pra você! (yn)
Beijão :*

29 de dezembro de 2009 18:03  

Lindo esse texto, como todos os outros que li por aqui.
Me emocionei muito contigo, Vanessa. E agradeço por isso.
Você fez parte da minha alegria em 2009.

Feliz 2010!
Tudo de bom pra ti.
Beijo.

30 de dezembro de 2009 14:59  

Postar um comentário

<< Home