Apenas por pessoas de alma já formada

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Solidão

Você sozinho se sente. Precisa com alguém falar. Não há ninguém. Todos estão ocupados demais com seus próprios problemas. Ninguém o ouve. O tempo passa. Cada vez mais isolado você se sente. Então tudo escurece e uma luz aparece. Você vai para casa, seu refúgio particular, e sozinho pode finalmente desabafar, não através de palavras (você está sozinho, não há ninguém ao seu lado), e sim através de lágrimas. Você não desabafa, mas desaba. Chora como se alguém tivesse morrido. Não. Ninguém morreu. Quem está morrendo é você, aos poucos, lentamente, e ninguém parece ao menos notar. Você chora, grita, esperneia, mas, ainda que percebam, eles não sentem. Simplesmente não se importam. Chorar não é mais o bastante. Você precisa expor seus pensamentos. Então escreve. Escreve o que ninguém ouve. Escreve o que ninguém se esforça para ver. Você transcreve seu grito de socorro.
.
posted by mente inconstante at 10:21

10 Comments:

"Chora como se alguém tivesse morrido."

perfeitoo!!

Beijãoo

9 de julho de 2009 11:41  

solidao. e eu dediquei minhas ultimas lagrimas a isso.

9 de julho de 2009 11:42  

é exatamente assim que ando me sentindo, mas não tenho coragem de escrever, falar ou deixar aparecer isso que sinto pros meus amigos e conhecidos :s

9 de julho de 2009 12:48  

A pior coisa que exixte é você ficar na solidão,porém são nessas horas se você escrever tenho certeza que suas palavras vão comover,embora você não queria isso,você só quer ser ouvido...

9 de julho de 2009 14:32  

Sei exatamente como é ser só...
Mas contento-me com a companhia das estrelas... O brilho delas faz-me viver! lindo o post! beijos

9 de julho de 2009 23:15  

Tem uma música do Renato Russo que diz assim: "o mal do século é a solidão..."

Nunca esqueço essa frase.
Infelizmente é verdade.

Mas quando me senti muito só e não soube mais como lidar com a dor, descobri o auto-conhecimento: esse que nos torna cada vez mais humanos.

A solidão é dura, mas é a melhor oportunidade que existe para se exercitar o auto-conhecimento, sempre.

Beijo na alma, viu?

10 de julho de 2009 02:08  

Me lembrou um trecho de um poema que esqueci de quem é a autoria, mas fala algo assim "quem não compreende um olhar, tampouco merece uma grande explicação". Se as pessoas que estão a sua volta não são capazes de perceber que algo está errado com você, é porque elas não te merecem. Não merecem a sua amizade, o seu amor, a sua atenção e menos ainda as suas lágrimas.
O texto fez muito sentido pra mim!
beijÃo

10 de julho de 2009 12:30  

Pode não fazer sentido pra ninguém, mas faz pra você. Seu pedido de S.O.S é ouvido por todos que gostam de você de verdade, acredite ;) Seu texto tá muito bonito apesar de ser um pouco triste, mas é bom desabafar escrevendo. Espero que você melhore logo dessa sua ''solidão'' okay? Fica bem menina. Tem selinho lá pra você okay? :*

10 de julho de 2009 13:25  

"Chorar não é mais o bastante. Você precisa expor seus pensamentos. Então escreve. Escreve o que ninguém ouve. Escreve o que ninguém se esforça para ver. Você transcreve seu grito de socorro."

Gostei muito. E é por isso que muitas vezes escrevo.

10 de julho de 2009 17:13  

Florzinha... que saudade de você por aqui. Você também escreve muito bem. ;)
Deixa eu falar, esses dias eu tentei te adicionar no orkut e não consegui, te achei na comunidade do post it e tal ;~

Me lembrou shakespeare: Não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplismente não se importam!

10 de julho de 2009 18:17  

Postar um comentário

<< Home