Apenas por pessoas de alma já formada

sábado, 17 de novembro de 2012

Como tudo começou

Há algo de errado na maneira como andam educando por aí. Os alunos já não querem mais ir às escolas. Os professores parecem não querer mais ensinar. Nos alunos falta interesse. Nos professores falta paixão. Os professores precisam amar o que fazem, caso contrário como ensinarão algo do qual nem sequer gostam? Ele gostava do que ensinava. Ele poderia ter sido apenas mais um, mas não. Ele se destacou. Foram tantos que na minha vida passaram. Poucos com algum impacto. Há aqueles que ficam marcados pelo que de mal nos fizeram. Mas há outros que tornam uma matéria monótona em algo sublime. Ensinam não somente o que a grade curricular exige, mas o que na vida importa. Ele gostava do que ensinava. Éramos um bando de crianças perdidas sem saber o que fazer com o que tínhamos. Tínhamos imaginação. E ele nos ensinou a usá-la. Abriu as portas de nossos mundos imaginários e jogou as chaves fora. Ele provavelmente não sabe que, na minha vida, teve grande influência. Mas fica aqui o meu sincero "obrigada". Agradeço não só ele, mas todos os outros que tornaram minhas idas à escola menos torturosas. Aqueles que para mim não eram professores e, sim, educadores.

Marcadores:

posted by mente inconstante at 23:59

6 Comments:

Realmente tem pessoas.ou melhor,educadores que tem o dom de ensinar,e mostar as coisas boas que existe na vida,eu mesma nas sextas-ferias só vou porque a ultima aula é de quimica,e minha professora é muito legal.
bjo

30 de junho de 2009 19:57  

Lindo.

Gostei bastante.

Concordo com você absolutamente.

:*

30 de junho de 2009 23:24  

Vanessa adoro os seus textos, não nego, os professores acham que por medo é uma forma de respeito, pelo menos alguns, e esse metodo não funciona muito bem.
Tem uns que são fantasticos mas outros... E falando serio os alunos não facilitam muito e muitos professores que antes sentiam alegria em lecionar não sente o prazer, que a muito tempo foi esquecido.

1 de julho de 2009 10:49  

É verdade!
-
Seu texto também está legal. Gostei.
-
Beijos.

1 de julho de 2009 18:29  

Deus abençoe essas almas!
Senti saudade de minha escola na infância. Ah, Escola Estadual 5 de Janeiro, quanto de história tenho cravado nesse pedaço de chão.
Quantas lembraças, medos, sonhos, brigas, elogios, lágrimas.
Ali fui complementado na minha educação, dali entrei menino e saí pré-adolescente, mas já com o Caráter de homem formado.
5 de Janeiro, minha escola!

2 de julho de 2009 09:03  

totalmente verdade!!
está tudo muito invertido!!
-professores nao sentem vontade de ensinar e os alunos de aprender! e com isso nao se cria nenhum laço de amizade entre eles!
é tão bom quando nossos professores se tornam nossos amigos... eu mesma tenho varios amigos q sao meus professores.. amo eles!!

;)

2 de julho de 2009 10:42  

Postar um comentário

<< Home