Apenas por pessoas de alma já formada

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Mais um

Ela vai alternando livros, distraindo atenções, mas nada mais faz sentido. Ela, que só queria uma fuga, não consegue mais dormir. Sua concentração se perde e ela se vê de repente sem forças. O que fazer com tanta solidão? Ela aumenta o som até o último volume. Quer fugir do mundo. E, então, eis que o choro lhe vem a garganta. Fácil, sem esforço algum. O choro desesperador de quem não pode fazer nada. Ela quer o que não podia ter. E o sono mais uma noite não veio. A solução para seu problema também não deu as caras. Mais um dia que se foi.
posted by mente inconstante at 10:49

1 Comments:

eu me sinto assim...as vezes eu cho .-.

24 de junho de 2010 13:44  

Postar um comentário

<< Home